A esperança está no Leste

Do crepúsculo ao alvor – síntese duma visão do Mundo (podem ler aqui). É este o título de uma conferência pronunciada por Guillaume Faye durante a sua recente estadia na Rússia. Pormenor “curioso”: esta conferência foi pronunciada na Duma, o parlamento russo, onde Faye foi recebido pelos deputados do partido Rodina (Pátria). Para além da Duma, Faye visitou e deu palestras também nas universidades de Moscovo e São Petersburgo. Para além deste “circuito” de conferências, Faye teve também a oportunidade de falar, abundantemente e com total liberdade de expressão, com os meios de comunicação russos: na Rússia não há “politicamente correcto” e dizer a verdade (ainda?) não é crime. De ressaltar que a ideia de uma Eurosibéria “etnocentrada e autocentrada” parece ter sido muito bem recebida.
Imagem: capa da edição russa do livro Coup d'État Mondial, de Guillaume Faye
Visita ao Parlamento, discurso perante os deputados, reuniões com partidos com assento parlamentar, conferências em universidades… Alguém imagina que isto fosse possível num país “democrático” da Europa “ocidental”?! Os russos demonstram que “ainda os têm no sítio”, que o etnomasoquismo e a xenofilia são doenças que (ainda?) não os afectam, que são os únicos europeus que o querem continuar a ser. Sem dúvida: a esperança da Europa está no Leste!

(o relato desta viagem foi publicado na revista francesa Terre et Peuple, nº 24, e posteriormente traduzido e publicado na revista espanhola Tierra y Pueblo, nº 10 – que a Causa Identitária tem à venda)

posted by Nacionalista @ 4:54 da tarde,

3 Comments:

At 12:37 da manhã, Blogger Rodrigo Nunes said...

Augurioso começo o deste blog. Na linha certa ;).Está linkado.

 
At 11:13 da manhã, Blogger miazuria said...

PARABÉNS!

Em frente, camarada, pela nossa preciosa IDENTIDADE!

Saudações

 
At 6:28 da tarde, Anonymous JM said...

Atenção o texto que referes, "Do crepúsculo ao alvor" está já traduzido e será editado em formato caderno pela CI.

Um abraço e saudações Identitárias!

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home