Quem é que anda à procura de um pretexto para atacar quem?

Tenho lido por aí a tese de que esta crise só aproveita aos judeus (Israel) e aos EUA. Que fomentar o ódio entre Ocidente e Islão permitiria justificar, à luz das opiniões públicas ocidentais, uma eventual intervenção militar no Médio Oriente, ou a suspensão dos apoios europeus à ANP. Faria sentido se não tivessem sido os próprios muçulmanos “dinamarqueses” a fazer os possíveis e impossíveis para desencadear a crise.

Senão vejamos:

«Representations to the doughty Rose having failed to raise not only an apology, but an eyebrow, accredited ambassadors to Denmark from 10 Islamic countries (and Turkey, which is officially secular) piled in, demanding a meeting with the Danish Prime Minister Anders Fogh Rasmussen.»

Ou seja, os embaixadores de vários países muçulmanos na Dinamarca acharam por bem exigir ao PM dinamarquês um pedido de desculpas. Os nossos “anti-sionistas” de plantão com certeza que acharão muito bem que os embaixadores de potências estrangeiras pretendam interferir desta maneira nos assuntos internos de outro Estado. Será que foram os judeus que incitaram os ditos embaixadores a este comportamento?

«Later in October, death threats forced the Jyllands-Posten to hire guards to protect its employees. “We have taken a few necessary measures in the situation, as some people seem to have taken offence,” said the newspaper’s editor-in-chief in a radio broadcast.»

Mais tarde, elementos da comunidade muçulmana desse país decidiram fazer ameaças de morte ao jornal. Com certeza também se trata de uma conspiração sionista.

Mas o melhor é isto:

«A demonstration in Copenhagen by “as many as 5,000 Muslims” having failed to provoke a change of heart, in December, Danish Muslims announced they were sending “delegations” to a number of Islamic countries to meet with “senior officials and prominent scholars” although with what end in view they didn’t say.»

Ou seja, já que não conseguiram vergar o governo dinamarquês, decidiram recorrer à “artilharia pesada”. E para que não houvesse hipótese de falhanço, decidiram juntar aos 12 cartunes originais outros 3 especialmente insultuosos.

Afinal de contas quem é que anda à procura de um pretexto para atacar quem? Sinceramente, tudo isto é demasiado complexo e não se compadece com teorias da conspiração simplistas.

As citações são retiradas deste artigo.

posted by Nacionalista @ 6:45 da tarde,

1 Comments:

At 12:35 da tarde, Blogger miazuria said...

100% de acordo!

Saudações

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home