Daniel Feret condenado

O dirigente máximo do Front National da Bélgica, Daniel Feret, de 61 anos de idade, foi condenado por um tribunal belga à interdição de qualquer actividade política durante 10 anos e a 250 horas de trabalho comunitário, nomeadamente na ajuda a imigrantes residentes em solo belga. Isto tem por base uma acusação de que Feret terá publicado panfletos de carácter racista. Caso não cumpra esta ordem judicial (entenda-se humilhação) Feret terá de cumprir 10 meses na prisão!

Os panfletos em causa retratavam imigrantes, comparando-os a criminosos e muçulmanos a terroristas.

Feret, que na próxima semana irá deslocar-se à Rússia para acompanhar um congresso europeu de nacionalistas, já fez saber que equaciona pedir asilo a este país, pois de acordo com ele na Rússia ainda existe uma efectiva liberdade de expressão.Isto é revoltante, é vergonhoso, é nojento, enquanto a escumalha invasora pode tudo fazer, tudo dizer, tudo destruir, os nacionalistas são humilhados e condenados por tribunais circenses, que apenas gozam com aqueles que pagam os impostos a essa corja que dá pelo título de juízes.Europeus ergam-se!

posted by Nacionalista @ 3:00 da tarde,

1 Comments:

At 9:54 da manhã, Anonymous Anónimo said...

" essa corja que dá pelo título de juízes."

AHAHAHAHAH!
Tá certo...mas nem todos

Legionário

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home