Vejo pouca televisão, o único jornal que leio é o JN quando vou ao café e só ouço rádio quando conduzo. Tudo isto para dizer que por vezes a actualidade mediática me passa ao lado – foi o que aconteceu ontem. Pelos vistos, o dia de ontem foi um fartote mediático de “neo-nazis”, “movimentos nacionalistas”, “extrema-direita” e “skinheads”.

Nem sequer vou fazer comentários sobre o tom demagógico e tendencioso da maior parte das “notícias”, mas por entre tantas imprecisões e incorrecções houve uma que me chamou a atenção. A “reportagem” da SIC sobre a “extrema-direita” dizia, a certa altura, sobre a manifestação contra a criminalidade realizada pela FN o ano passado, que tinha juntado 400 “cabeças rapadas” e ao mesmo tempo mostrava as imagens… e não se via uma única cabeça rapada! Será que estes tipos pensam que somos todos atrasados mentais, será que eles pensam que podem mostrar uma imagem e dizer outra coisa e ninguém repara?

posted by Nacionalista @ 6:03 da tarde,

3 Comments:

At 7:07 da tarde, Anonymous Algizsouth said...

É o que tem feito desde há 32 anos e até agora não se sairam nada mal com a vigarice.

 
At 11:57 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Parvalhões, tenham calma.
Parvalhões, aprendam a ser pacientes.
Parvalhões, já existem muitos milhões de africanos na europa, e estamos a crescer mais do que vocês.
Tictactictac
Parvalhões, tal como os tutsi no ruanda, vocês vão ser varridos do planeta no espaço de uma semana.
Parvalhões, em vez de se chamarem ‘movimentos nacionalistas europeus’, vocês devem é passar a chamarem-se ‘seitas apocalípticas europeias a caminho do apocalipse’.

 
At 12:06 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Parvalhões, preparem-se para se juntar a David Koresh, ex-líder da seita Branch Davidian, em Waco, Texas.

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home