Comentário pilhado no Fórum Nacional e que me parece pertinente

Os Nacionalistas não querem expulsar ninguem com base exclusivamente na Raça. O que contestamos acima de tudo é o absurdo da invasão de que estamos a ser vitimas neste momento quer na generalidade da Europa quer no caso particular de Portugal! A nossa oposição não é especificamente a Raças nem étnias, mas acima de tudo a politicas levadas a cabo por politicos brancos que em função de um conjunto de promiscuidades que possuem com lóbis, promovem esta imigração massiva que nos ameaça enquanto Raça e enquanto Povo na sua identidade e ancestralidade! A Pátria, para nós, é um prolongamento natural da familia, e numa familia de raça branca não é suposto haver pretos. Pode acontecer a essa familia ter VISITAS de outra raças, mas não é natural que as visitas cheguem a casa dessa familia e desatem a pôr os pés em cima da mobilia e a cuspir para o chão! A esses leva-se por uma orelha para a rua. Imigração irá haver sempre! Aquilo que nós recusamos é a invasão de individuos provenientes de Países do 3º Mundo, que vêm encher os bolsos aos tais lóbis que falei atrás, e que a prazo vêm baixar o nivel médio salarial porque aceitam trabalhar por valores inferiores aos praticados no País, colocando os Portugueses ante a opção de se sujeitarem a aceitar a esses valores ou nem sequer ter trabalho, porque existe o capital de mão de obra imigrante barata ao dispor dos empregadores! Repatriar sim os ilegais, os improdutivos e os criminosos, numa 1ª fase, estancando simultaneamente novas entradas de imigrantes. Numa fase subsequente, fazer uma análise exaustiva dos que são efectivamente necessários ao País, e que estão socialmente integrados, tudo o resto repatria-se! Se os politicos roubassem menos, e os lóbis económicos não fossem tão gulosos, o salário médio dos Portugueses subiria imediatamente e o recurso à mão de obra imigrante deixaria de fazer sentido porque apareceriam Portugueses a querer fazer os tais trabalhos que se diz que já não querem fazer! Mentira, os Portugueses querem fazer todos os trabalhos só que ninguem quer hoje em dia trabalhar nas obras por 300 euros mensais, que é o que se paga a um Africano, um Brasileiro ou um individuo de Leste! A prova está no facto de no Luxemburgo (por exemplo) termos emigrantes nossos a trabalhar na construção civil! Claro, no Luxemburgo o vencimento médio está bem a cima dos 3 mil euros, por esse dinheiro qualquer um de nós trabalhava nas obras! Essa questão dos imigrantes serem necessários para realizar determinados tipos de trabalho é uma falsa questão que visa simplesmente legitimar a entrada de mais e mais imigrantes, com o propósito de engordar um conjunto de previlegiados, a quem interessa perpetuar esta situação, e que não são minimamente afectados por ela socialmente; não se deslocam em transportes publicos, vivem em condominios fechados e têm os filhos em colégios caros longe das escolas em que os miudos pretos partem tudo, maltratam os professores e impedem a aprendizagem dos nossos filhos! Neste momento em Portugal atingimos o ridiculo de não se fazerem repatriações de ilegais, por não existirem verbas para o fazer, o que vai transformar esta País, a prazo, em algo de inqualificavel a nivel social, porque esse facto vai ser devidamente utilizado pelas redes de tráfico de imigrantes, que rápidamente vão perceber que se pode entrar na Europa com a maior das facilidades!

posted by Nacionalista @ 10:33 da tarde,

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home