Enquanto que em Espanha galegos, bascos e catalães lutam pela liberdade das suas nações, em Portugal um ministro (!!!) declara publicamente, e em nome do governo português, que defende o fim de Portugal! Se isto fosse um país a sério, o ministro já tinha sido demitido, não sem antes ser “flagelado” publicamente pelos media, pelos partidos de oposição e pela opinião pública. Mas como há muito tempo que “isto” deixou de ser um país e passou a ser um “sítio” mal frequentado, o máximo que suscita é algo entre a indiferença e assentimento. Esta gente até a mãezinha vendia por dinheiro!

posted by Nacionalista @ 12:15 da manhã,

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home